Novo endereço: http://bragaciclavel.pt

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Estacionamento para bicicletas, na Rua Fernando Oliveira Guimarães (perto da rotunda do BragaParque)

Estacionamento bici 009

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

Estacionamento para bicicletas, junto ao café Brasileira

Estacionamento bici 008

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

Estacionamento para bicicletas, junto ao café Brasileira

Estacionamento bici 007

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

Estacionamento para bicicletas, na Avenida da Liberdade (junto ao Teatro Circo)

Estacionamento bici 006

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

Estacionamento para bicicletas, na Rua D. Afonso Henriques

Estacionamento bici 005

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Estacionamento para bicicletas, na Rua D. Pedro V (junto à Unidade de Saude do Carandá)

Estacionamento bici 004

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

Estacionamento para bicicletas, na Rua D. Paio Mendes (junto à Sé de Braga)

Estacionamento bici 003

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

Estacionamento para bicicletas, na Rua de S. Marcos (perto da Brasileira)

Estacionamento bici 002

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha…

Estacionamento para bicicletas, no Largo Senhora-a-Branca

Estacionamento para bicicletas em Braga

Aqui alguém precisou de um estacionamento para bicicletas e não o tinha...

Ciclistas Urbanos em Braga #104

Ciclistas Urbanos em Braga

Três meses a viajar de bicicleta. 4500km percorridos a pedalar pela Europa. Foi assim que encontrei em Braga Kim Jeong Hun, um jovem turista sul-coreano que atravessou nove países europeus para chegar até Braga.

O ciclista, que vemos nesta foto acompanhado pelo seu amigo Yoonki, é engenheiro recém-formado em Ciências da Computação que decidiu aproveitar o final de curso para fazer a sua viagem de sonho, antes de ingressar no complicado e sempre apressado mundo do trabalho. Passou pelo Reino Unido, França, Bélgica, Holanda, Alemanha, Suíça, França, Espanha e, depois de parar na Galiza a visitar a cidade de Compostela, parou em Braga, onde o encontrei. A viagem continuaria nos dias seguintes em direção ao Porto, Lisboa e, finalmente, Madrid, de onde apanharia o voo de regresso para Seul.

Na conversa que tivemos, contou-nos que há cerca de 2 anos, o governo sul-coreano deu início a um extenso programa de construção de ciclovias, com o objetivo de melhorar a qualidade do ar e rentabilizar o espaço urbano (só na cidade de Seul, existem mais de 10 milhões de habitantes, pelo que a questão do espaço é fundamental). Desde então, tem-se observado um aumento considerável do número de ciclistas, bem como o aparecimento de muitas empresas ligadas à venda e manutenção de bicicletas. Não será, portanto, de admirar que Kim Jeong Hun nos confesse que considera que as condições atuais na Coreia do Sul são melhores do que as que encontrou em Portugal, em termos de promoção do uso deste meio de transporte…

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Proposta para a Promoção da Mobilidade Sustentável em Braga

Há alguns meses, um grupo de ciclistas urbanos de Braga, com o apoio do blog Braga Ciclável, dos Encontros com Pedal e de outras instituições da cidade, fez chegar à Câmara Municipal de Braga um dossiê temático sobre Mobilidade Sustentável, no sentido de sensibilizar a autarquia para a necessidade de apostar na promoção do uso da bicicleta e investir na criação de infraestruturas de apoio a esse meio de transporte.

O texto da proposta que foi apresentada pelos ciclistas à CMB baseava-se num documento similar que foi anteriormente apresentado pela FPCUB em Lisboa. Pode ser encontrado aqui:

No documento acima são referidos alguns anexos relacionados com a mesma temática, que foram incluídos no mesmo dossiê.

Na altura, foram feitos também contactos com as várias forças políticas, com o objetivo de assegurar que todas elas tomavam conhecimento da proposta e de as convidar a incluir essas medidas no seu programa. A proposta foi bem recebida por todas as instituições contactadas, embora até ao momento não tenhamos recebido nenhuma resposta oficial (isto é, escrita) que possamos aqui partilhar com os leitores. Ainda assim, a CDU (um dos partidos que contactámos) chegou a apresentar a votação na Assembleia Municipal uma recomendação dirigida à CâmaraMunicipal de Braga, no sentido de serem criadas novas ciclovias na cidade - de acordo com a comunicação social, essa proposta foi chumbada, com os votos contra da bancada do PS.

Mais tarde, tivemos um convite da CMB para uma reunião onde foram apresentadas algumas ideias gerais e onde foi escutada a opinião dos ciclistas sobre algumas ideias para possíveis medidas de promoção do uso da bicicleta (estacionamentos no centro de Braga, possíveis ciclovias, alterações à sinalização de certas vias, etc.).

Até ao momento, pese muito embora toda a boa vontade que parece existir nos órgãos do poder autárquico, a verdade é que ainda continuamos a aguardar tudo o que é preciso ser feito. Ainda não temos estacionamentos para bicicletas, ainda não temos vias cicláveis a ligar o centro de Braga à universidade e às zonas residenciais e laborais da periferia, ainda não temos tão pouco uma única rua na cidade de Braga que tenha recebido melhoramentos (melhoria de piso, alterações de sinalização, estacionamentos, etc.) a pensar no seu uso por pessoas que optem por se fazer transportar em bicicleta. É, por assim dizer, a triste verdade.

Dito isto, continuamos otimistas e queremos acreditar que o futuro nos reserva melhores dias e um maior empenho dos órgãos de poder em relação a esta temática. É positivo que haja interesse em ouvir as necessidades dos cidadãos ciclistas a partir da sua própria voz. É positivo que esteja a ser planeada a implementação de um número considerável de estacionamentos para bicicletas no centro de Braga. É positivo que esteja a ser equacionada a possibilidade de integrar este meio de transporte na preparação do próximo PDM, ou nas próximas obras de requalificação urbana. Vamos ver...